Ano 15

Cristina Pereira

*09 de agosto de 1949 - São Paulo - SP

Cena de Mar de rosas, 1977, Ana Carolina
Cena de Mar de rosas, 1977, Ana Carolina
Uma das mais talentosas comediantes da safra que sacudiu as artes cênicas na década de 1980, e também ótima atriz, Cristina Pereira é presença marcante no cinema nacional, como também no teatro e na televisão.

Cristina Pereira começou sua carreira no teatro, nos anos 70. Nessa mesma década estreia no cinema em papel de destaque no filme O rei da noite, de Hector Babenco, e estoura nacionalmente dois anos depois fazendo a adolescente endiabrada no grande filme de Ana Carolina, Mar de rosas. A atriz – ao lado de Xuxa Lopes – passa então a ser uma das marcas do cinema autoral da cineasta. Em 1979, Cristina Pereira estreia na televisão, onde tem passagens inesquecíveis pelo programa TV pirata e pelas novelas Guerra dos sexos, Vereda tropical e Sassaricando. No teatro integra o grupo da Casa da Gávea, importante pólo de produção, junto com José Mayer, Paulo Betti e Vera Farjado.

Desde a década de 70 que Cristina Pereira marca presença em filmes de cineastas fundamentais do cinema brasileiro – Hector Babenco, Ana Carolina, Julio Bressane, Bruno Barreto. Protagonizou a incursão do saudoso cartunista Henfil na direção de cinema, no anárquico Tanga, deu no new york times, pelo qual ela recebeu o prêmio Sol de Ouro no Rio Cine Festival. Outro momento marcante de sua carreira é em Romance da empregada - sua cena de sexo com o personagem de Daniel Filho é antológica.


Filmografia

O rei da noite, 1975, Hector Babenco
Mar de rosas, 1977, Ana Carolina
Elas são do baralho, 1977, Sílvio de Abreu
P.S.: post-scriptum, 1980, Romain Lesage
Das tripas coração, 1982, Ana Carolina
Brás cubas, 1985, Júlio Bressane
Tanga, deu no new york times, 1987, Henfil
Romance da empregada, 1987, Bruno Barreto
Amélia, 2000, Ana Carolina
Poeta de sete faces, 2002, Paulo Thiago
Xuxa abracadabra, 2003, Moacyr Góes
Mais uma vez amor, 2005, Rosane Svartman
Trair e coçar é só começar, 2006, Moacyr Góes
O sal da terra, 2008, Eloi Pires Ferreira
De pernas pro ar, 2010, Roberto Santucci

::Voltar
Sala 
 Isabel Ribeiro
Presença luminosa nas telas, brilhou no cinema, teatro e televisão.