Ano 15

Marília e Marina

Cena de Marília e Marina, 1976, Luiz Fernando Goulart
O Canal Brasil é uma verdadeira cinemateca na televisão. Graças a ele – e que bom que agora está no pacote básico das operadoras – a vida de pesquisadores e amantes do cinema brasileiro ficou muito mais fácil. E de uma felicidade sem fim.

Importante dizer também que a programação do canal tira da invisibilidade não só muitos filmes, como também artistas e técnicos de várias partes do país. 

Podemos ver no Canal Brasil filmes que há muito só ouvíamos falar, filmes lidos e pouquíssimos vistos.

E ao exibi-los permite que crítica, pesquisadores e o público em geral possam refletir e repensar a história do cinema brasileiro.

Pode-se também rever maravilhas há muito desaparecidas após seus lançamentos – quando aconteceram -, e muitas que nem sequer foram lançadas em VHS, e muito menos em DVD.

Daí que quando o canal solta a programação do mês – ou de um período -, uma das alegrias taquicardíacas é ler tudo para ver o que nos aguarda.

Semana passada o Canal Brasil nos brindou com a exibição de Duas estranhas mulheres (1981), filme raro dirigido por Jair Correia.

Duas estranhas mulheres recebeu na época de seu lançamento o prêmio APCA de Melhor Diretor (que Jair Correia dividiu com José Antônio Garcia e Ícaro Martins por O olho mágico do amor), e de Melhor Atriz para Patrícia Scalvi (dividido com Tânia Alves e Carla Camurati também por O olho mágico do amor).

Agora, o Canal Brasil programou mais uma raridade: Marília e Marina (1976). 

Dirigido por Luiz Fernando Goulart, o filme é protagonizado pelas musas Denise Bandeira e Kátia D´Ângelo, em elenco dos deuses e que reúne nomes como Fernanda Montenegro, Stepan Nercessian, Nelson Xavier, Marcelo Picchi, Joana Fomm, Fernando Torres, Nestor Montemar, Carlos Prieto, Maria Sílvia.

Marília e Marina terá duas exibições:

- Dia 12 – 00:15 (de segunda para terça)
- Dia 15 – 04:00 – quatro horas da madrugada

Programão, inclusive para esse editor, que jamais assistiu ao filme.

::Voltar
Sala 
 Betty Faria
Com amor profundo pelo cinema, premiada em vários festivais no Brasil e no exterior