Ano 16

Querido estranho, 2002, Ricardo Pinto e Silva

pouca magia


Daniel Filho nem sempre consegue mostrar uma grande performance como ator, mas sua estupenda atuação em Romance da Empregada, de Bruno Barreto, é a prova do que ele é capaz. Pena que em Querido Estranho, que mira o foco em seu personagem, ele não tenha conseguido se iluminar como o pai de família agressivo, irônico, frustrado e cruel em seu ambiente familiar. 

O melhor fica com o elenco feminino - Suely Franco, Cláudia Netto e Ana Beatriz Nogueira, com destaque entre os atores para Mario Schoemberger. O filme é uma adaptação de peça de sucesso de Maria Adelaide Amaral, "Intensa Magia". Só que na transposição para o cinema faltou uma certa liga, como se os personagens estivessem ali mais para vomitarem seus dramas que vivenciá-los.

quinta-feira, 14 de janeiro de 2010
longas brasileiros em 2010 (10)


::Voltar
Sala 
 Léa Garcia
Dona de um talento ímpar e altivo, Léa Garcia brilha no teatro, na TV e no cinema.