Ano 15

Paulo Gracindo - o bem amado, 2008, Gracindo Jr

Um retrato afetivo de filho para pai

Paulo Gracindo – o bem amado é um registro afetivo do ator dirigido pelo seu filho Gracindo Junior. O documentário é um tipo de filme que poderia muito bem ter sido feito para a televisão. Isso porque questões como pesquisa de linguagem e estética estão muito distantes da intenção do diretor. O que se vê, do início ao final, é a preocupação em deixar registrado a memória do grande artista.

E Paulo Gracindo foi mesmo um dos maiores atores que o Brasil já revelou em uma trajetória que inclui rádio, teatro, televisão e  cinema. Na tela, momentos da carreira como os filmes Terra em transe, de Glauber Rocha, e Tudo bem, de Arnaldo Jabor. E trabalhos na TV como o Odorico Paraguassu de O bem amado.

Mas são nas imagens de arquivo como o encontro com  o cantor Roberto Carlos e cenas do humorístico Balança, mas não cai que estão os momentos luminosos do filme.

::Voltar
Sala 
 Léa Garcia
Dona de um talento ímpar e altivo, Léa Garcia brilha no teatro, na TV e no cinema.