Ano 16

Roberto Santucci (Malu Mader)

Eu quero homenagear a Malu Mader, pelo contato que eu tive no filme “Bellini e a Esfinge”. Ela mostrou o poder dela de uma estrela, no sentido em que ela brilha, né?

A Malu veio para fazer uma participação no filme, a gente abriu câmera, e é impressionante como que ela imprimiu bem, como que ela mostrou esse brilho de uma estrela, como que as imagens dela saíram bem, como ela ficou bem no filme. E é lógico, né? Como que o público reagiu bem à Malu naquele filme. 

Foi uma experiência muito bacana ter trabalhado com a Malu, ter experimentado essa coisa da estrela, quer dizer, ela é uma pessoa que dispensa qualquer tipo de apresentações e elogios. Ela tem uma história muito grande na televisão brasileira, também tem sua participação no cinema. Eu não tenho muito conhecimento, não assisto muita televisão, quer dizer, não assisto agora, já assisti muito no passado. Mas foi muito bacana ter visto o poder dela dentro da linguagem cinematográfica. 

Eu tive uma ótima experiência com ela, gostaria de voltar a trabalhar com ela no futuro. Eu deixo aqui minha homenagem pra Malu Mader. 

Roberto Santucci é cineasta.

Veja também sobre ela

::Voltar
Sala 
 Sala Dina Sfat
Atriz intensa nas telas e de personalidade forte, com falas polêmicas.