Ano 15

Daniela Escobar

*16 de janeiro de 1969 - São Borja - RS

Cena de Jogo subterrâneo, 2005, Roberto Gervitz
Cena de Jogo subterrâneo, 2005, Roberto Gervitz
Revelada para o grande público pela televisão na década de 1990, Daniela Escobar tem belas interpretações no cinema.

Nascida em São Borja e depois moradora em Porto Alegre, Daniela Escobar trocou a capital gaúcha pelo Rio de Janeiro aos 19 anos. A atriz tem formação em teatro pelo Tablado e pela CAL – Casa de Artes Laranjeiras. Daniela Escobar começou a carreira artística no teatro profissional em Os XII trabalhos de hércules, em 1989, com direção de Carlos Wilson –Entre amigas (1994), dirigida por Cecil Thiré; e Julius césar (1994), dirigida por Paulo Reis são outras peças no currículo. Mas foi na televisão que atingiu notoriedade nacional – durante uma época foi casada com o diretor Jayme Monjardim. A atriz marcou presença em novelas e minisséries – O clone (2001) e América (2005), ambas de Glória Perez; e A casa das sete mulheres (2003), minissérie de Maria Adelaide Amaral são alguns destaques. A atriz estreou no cinema no curta-metragem Ritinha, de Antonio Celso, em 1996.

Daniela Escobar tem alguns belos longas no currículo. Depois da estreia no formato em O dono do mar (2001), de Odorico Mendes, atuou no ótimo Vida de menina (2004), de Helena Solberg. A atriz tem uma atuação na medida certa como Carolina, mãe da personagem protagonista, Helena Morley, interpretada com brilho por Ludmila Dayer. Outro filme interessante de Daniela Escobar é Jogo subterrâneo (2005), que marcou a volta do cineasta Roberto Gervitz, depois do sucesso Feliz ano velho, em 1987. É boa presença também em 400 conta 1 - a história do comando vermelho (2010), dirigido por Caco Souza.


Filmografia

Ritinha, 1996, curta, Antonio Celso
O dono do mar, 2001, Odorico Mendes
Vida de menina, 2004, Helena Solberg
Jogo subterrâneo, 2005, Roberto Gervitz
Diário de um mundo novo, 2005, Paulo Nascimento
400 contra 1, a história do comando vermelho, 2010, Caco Souza
Finding Josef, 2012, Moises Menezes

::Voltar
Sala 
 Isabel Ribeiro
Presença luminosa nas telas, brilhou no cinema, teatro e televisão.