Ano 15

Flávia Monteiro

*14 de julho de 1972

Cena de A menina do lado, 1987, Alberto Salvá
Cena de A menina do lado, 1987, Alberto Salvá
A carioca Flávia Monteiro foi uma das ninfetas mais desejadas nos anos 1980. Sua estréia no cinema, em A menina do lado causou polêmica na época.

Flávia Monteiro estreou no cinema A menina do lado, dirigido por Alberto Salvá em 1987, depois de passar nos testes para ser a protagonista. No filme ela é Alice, uma adolescente que vive um caso de amor com um quarentão, Mauro, interpretado por Reginaldo Faria. A atriz tinha apenas 14 anos na época, e suas cenas de nudez e sexo simulado com o ator causaram polêmica. Logo a seguir, Flávia Monteiro atua no delicado Sonhos de menina moça, de Tereza Trautman, filme que reúne importantes atrizes do cinema nacional – Tônia Carrero, Marieta Severo, Louise Cardoso, Zezé Motta, Selma Egrei, Xuxa Lopes, Monique Lafond, dentre outras. Em 1988, estreia em novelas no marco Vale tudo (1988), de Gilberto Braga. Durante sua trajetória, vai atuar em outras, sendo alguns sucessos Éramos seis, em 1994, e, sobretudo, Chiquititas, de 1997 a 2001 – ambas no SBT. No teatro, atua em peças e musicais, como Free som (2001).

Nos anos 1990, Flávia Monteiro atua em dois filmes: a fantasia O gato de botas extraterrestre, de Wilson Rodrigues; e no juvenil Manobra radical, de Elisa Tolomelli. Já nos anos 2000, Flávia Monteiro atuou em Gatão de meia-idade, filme dirigido por Antonio Carlos da Fontoura, em adaptação cinematográfica de personagem criada pelo cartunista Miguel Paiva.


Filmografia

A menina do lado, 1987, Alberto Salvá
Sonhos de menina moça, 1987, Tereza Trautman
O gato de botas extraterrestre, 1990, Wilson Rodrigues
Manobra radical, 1991, Elisa Tolomelli
Gatão de meia-idade, 2006, Antonio Carlos da Fontoura

::Voltar
Sala 
 Isabel Ribeiro
Presença luminosa nas telas, brilhou no cinema, teatro e televisão.