Ano 15

Sandra Bréa

*11 de maio de 1952, +04 de maio de 2000 - *Rio de Janeiro - RJ

Cena de Sedução, 1974, Fauzi Mansur
Cena de Sedução, 1974, Fauzi Mansur
Sex Symbol, Sandra Bréa foi uma das mulheres brasileiras mais desejadas das décadas de 1970 e 80. Presença constante em novelas e musicais na TV, a atriz levou sua exuberância também para as telas do cinema nacional.

A bela Sandra Bréa começou sua carreira como modelo, passando depois para o Teatro de Revista. Essa experiência acabou moldando a sua persona artística, e anos depois ela marcou presença nos musicais da Globo - como no programa Sandra & miéle. A atriz estreou no cinema em 1969, no filme Um uísque antes, um cigarro depois, de Flávio Tambellini, iniciando uma carreira extensa nas telas durante toda a década de 70. Sandra Bréa participa de vários filmes produzidos na Boca do Lixo, sendo dirigida por nomes como Fauzi Mansur, Adriano Stuart, Cláudio Cunha e Alfredo Sternheim. Na TV, atua em novelas que são verdadeiro marcos, como O bem amado Os ossos do barão.

Durante sua trajetória, Sandra Bréa foi dirigida também por Luis Sérgio Person, Carlos Reichenbach e Miguel Faria Jr. - no ótimo República dos assassinos-, e integra a galeria de belas do cinema de Walter Hugo Khouri ao protagonizar dois ótimos filmes do cineasta: O prisioneiro do sexo e Convite ao prazer. Outros grandes momentos são seu encontro com o cinema de Claudio Cunha em Amada amante e Sábado AlucinanteA herança dos devassos, de Alfredo Sternheim e Cesar Cabral;  é no belíssimo Os imorais, de Geraldo Vietri. Em 1991 atua em sua última novela, Felicidade, e se afasta da carreira artística vitimada pelo vírus da Aids. Primeira grande estrela a se declarar portadora da doença, Sandra Bréa ajuda, com esse ato, a diminuir a discriminação ao portadores do HIV. A atriz falece no dia 4 de maio de 2000. 


Filmografia

Um uísque antes, um cigarro depois, 1969, Flávio Tambellini
Cassy jones, o magnífico sedutor, 1972, Luis Sérgio Person
Os mansos, episódio a b... de ouro, 1973, Pedro Carlos Róvai
Sedução, 1974, Fauzi Mansur
O prisioneiro do sexo, 1978, Walter Hugo Khouri
A noite dos duros, 1978, Adriano Stuart
Amada amante, 1978, Cláudio Cunha
Capuzes negros - sede de amar, 1979, Carlos Reichenbach
Sábado alucinante, 1979, Cláudio Cunha
A república dos assassinos, 1979, Miguel Faria Jr
Os imorais, 1979, Geraldo Vietri
A herança dos devassos, 1979, Alfredo Sternheim e Cesar Cabral
Convite ao prazer, 1980, Walter Hugo Khouri
As aventuras de mário fofoca, 1982, Adriano Stuart

Veja também sobre ela
::Voltar
Sala 
 Isabel Ribeiro
Presença luminosa nas telas, brilhou no cinema, teatro e televisão.