Ano 15

Tamara Taxman

*24 de fevereiro de 1947 - Woodstock - EUA

Cena de As aventuras de um paraíba, 1982, Marco Altberg
Cena de As aventuras de um paraíba, 1982, Marco Altberg
Algumas atrizes possuem uma personalidade ímpar, com total domínio de sua arte, além de terem construído carreiras importantes e expressivas nos diferentes veículos: cinema, televisão e teatro. E ainda assim ficam meio à margem da mídia, como a talentosa e exuberante Tamara Taxman.

Tamara Taxman estreou em novelas em 1972 e já de cara em um grande clássico da Globo e da televisão brasileira: Selva de pedra, de Janete Clair. A partir daí, marca presença em mais de 20 produções e atuando em várias emissoras. Anos depois chega ao cinema e atua em dois filmes importantes: A noiva da cidade, de Alex Viany, e Ladrões de cinema, de Fernando Coni Campos. A atriz dá sequência a uma filmografia importantíssima, em filmes de cineastas como Carlos Alberto Prates Correia, David Neves, Marco Altberg, Guilherme de Almeida Prado, Suzana Amaral e Bruno Barreto.

É nos anos 80 que Tamara Taxman viverá seus maiores momentos nas telas. Em 1980 é escalada pelo grande Carlos Alberto Prates Correia para o inesquecível Cabaret mineiro, em que ela esteve mais bela do que nunca. Em 1982, recebe o prêmio de Melhor Atriz Coadjuvante no Festival de Brasília por As aventuras de um paraíba, de Marco Altberg. Em A flor do desejo tem interpretação marcante como a cafetina Lady, que vive assediando Sabrina, a protagonista de Imara Reis. Destaque também é a Glória, a falsa amiga de Macabéa, no premiado internacionalmente A hora da estrela, de Suzana Amaral, em 1985. E em 1987 é a insensível patroa da Fausta de Betty Faria em Romance da empregada, grande filme de Bruno Barreto.


Filmografia

Ladrões de cinema, 1977, Fernando Coni Campos
A noiva da cidade, 1978, Alex Viany
A batalha dos guararapes, 1978, Paulo Thiago
Cabaret mineiro, 1980, Carlos Alberto Prates Correia
Luz del fuego, 1982, David Neves
Os campeões, 1982, Carlos Coimbra
As aventuras de um paraíba, 1982, Marco Altberg
Flor do desejo, 1983, Guilherme de Almeida Prado
Um sedutor fora de série, 1983, Milton Alencar
A hora da estrela, 1985, Suzana Amaral
Romance da empregada, 1987, Bruno Barreto
Discretion assured, 1993, Odorico Mendes

Veja também sobre ela
::Voltar
Sala 
 Isabel Ribeiro
Presença luminosa nas telas, brilhou no cinema, teatro e televisão.