Ano 15

Zezeh Barbosa

*19 de março de 1963 - Osasco - SP

Cena de Bendito fruto, 2004, Sergio Goldenberg
Cena de Bendito fruto, 2004, Sergio Goldenberg
Depois de ser aplaudida no teatro e conquistar o público na TV, Zezeh Barbosa chegou ao cinema pelas mãos do saudoso Walter Hugo Khouri no filme Paixão perdida, em 1998. De lá para cá, sua carreira segue em ritmo ascendente nos três veículos.  

Zezeh Barbosa começou sua carreira artística no teatro – a atriz tem formação pela Escola de Arte Dramática da USP. Nos palcos, atua sob a direção de nomes como Gabriel Villela e Miguel Falabella, esse último fã confesso da atriz, e que a escala também para a sua primeira novela - e também para as outras -, Salsa e merengue, em 1996, em parceria com Maria Carmem Barbosa. Na telinha, Zezeh Barbosa atua ainda na minissérie Hilda furação, de Gloria Perez, em 1998, e tem bons momentos como repórter do programa Vídeo Show. Com grande talento para a comédia, Zezeh Barbosa se sai muito bem também em dramas. A atriz estreia no cinema em Paixão perdida como a governanta Matilde, uma composição contida e interessante em closes marcantes filmados por Khouri.  Em 2000, atua em Cronicamente inviável, do polêmico cineasta Sérgio Bianchi – a cena do assassinato da personagem da atriz é acachapante.  

Em 2004, Zezeh Barbosa aparece nas telas em dois filmes: Diabo a 4, de Alice Andrade, e Bendito fruto, de Sérgio Goldenberg. No primeiro, faz a mãe de um jovem que tem um destino trágico. Já em Bendito fruto, protagoniza, ao lado do grande Otávio Augusto, um filme que aborda, com bom humor, o preconceito racial através da relação amorosa entre um homem branco e sua empregada negra. Bendito fruto deu a Zezeh Barbosa o prêmio de Melhor Atriz no Festival de Brasília 2004.
  

Filmografia

Paixão perdida, 1998, Walter Hugo Khouri
Cronicamente inviável, 2000, Sérgio Bianchi
O xadrez das cores, 2004, curta, Marco Schiavon
Diabo a 4, 2004, Alice Andrade
Bendito fruto, 2004, Sérgio Goldenberg
Primo Basílio, 2007, Daniel Filho
Sonhos roubados, 2009, Sandra Werneck
Os inquilinos, 2009, Sérgio Bianchi
Billi pig, 2012, José Eduardo Belmonte
As aventuras do avião vermelho, 2012, José Maia e Frederico Pinto - voz

Veja também sobre ela
::Voltar
Sala 
 Isabel Ribeiro
Presença luminosa nas telas, brilhou no cinema, teatro e televisão.