Ano 15

Letícia Sabatella

*08 de março de 1972 - *Belo Horizonte - MG

Cena de Romance, 2007, Guel Arraes
Cena de Romance, 2007, Guel Arraes
Letícia Sabatella é ótima presença em filmes como Vestido de noiva e Romance.

Letícia Sabatella começou a carreira artística fazendo cursos de teatro em Curitiba, onde morou. A estreia na televisão foi como Rita, no especial Os homens querem paz (1991), sobre o universo do cangaço, dirigido por Luiz Fernando Carvalho e protagonizado por Paulo Betti. A projeção nacional se dá logo a seguir como a garota de programa Taís, em O dono do mundo (1991/92), de Gilberto Braga, em faz par romântico com o Beija-Flor de Ângelo Antônio, ator com o qual ficaria anos casada. Depois atua em vários trabalhos, como a Salete de Agosto (1993), a Ana de A muralha (2000), a Latiffa de O clone (2001/2002), e a Yvone de Caminho das Índias (2009). Letícia gosta também de cantar e chegou a gravar a música A cigarra, de sua autoria, em dueto com Elza Soares no CD da cantora. Os primeiros trabalhos no cinema são dois curtas: Dente por dente (1994), de Alice de Andrade, em que ela protagoniza ao lado de Pedro Cardoso e Ney Latorraca; e em Decisão (1997), de Leila Hipólito, que também protagoniza ao lado de Murilo Benício. A atriz estreia em longas como Benta em Bela Donna (1998), de Fábio Barreto. No longa seguinte ela é Anastácia em O tronco (1999), de João Batista de Andrade, em trama sobre disputa entre fazendeiros rivais que desagua em sangrenta guerra entre jagunços e soldados do governo.

Letícia Sabatella vive Esperidiana em O xangô de Baker street (2001), a adaptação cinematográfica do best seller homônimo de Jô Soares dirigida por Miguel Faria Jr.; e Célia no divertido Durval discos (2002), de Anna Muylaert, vencedor de Melhor Filme e Melhor Direção e Prêmio da Crítica e Prêmio do Júri no Festival de Gramado.  Um dos grandes momentos nas telas é como Lúcia em Vestido de noiva (2001), a adaptação do clássico de Nelson Rodrigues, em que ela foi dirigida pelo filho dele, Joffre Rodrigues. A trama parte de um triângulo amoroso formado entre duas irmãs e o marido de uma delas, entre alucinações, memória, passado e presente. Outros ótimos momentos são como Lúcia em Não por acaso (2007), de Philippe Barcinski, e como Ana em Romance (2007), bela história de amor dirigida por Guel Arraes. A atriz atua ainda em outros filmes, como o sucesso Chico Xavier (2010), de Daniel Filho, e o não lançado Chatô, o rei do Brasil (2003), de Guilherme Fontes. Militante em causa ecológica, Letícia Sabatella estreia como cineasta, ao lado de Gringo Cardía, com o belo documentário Hotxuá (2007), filme que focaliza o palhaço sagrado da tribo indígena Krahô.


Filmografia

Dente por dente, 1994, curta, Alice de Andrade
Decisão, 1997, curta, Leila Hipólito
Bella Donna, 1998, Fábio Barreto
O tronco, 1999, João Batista de Andrade
O xangô de Baker street, 2001, Miguel Faria Jr.
Vestido de noiva, 2001, Joffre Rodrigues
Durval discos, 2002, Anna Muylaert
Chatô, o rei do Brasil, 2003, Guilherme Fontes
Não por acaso, 2007, Philippe Barcinski
Romance, 2007, Guel Arraes
Chico Xavier, 2010, Daniel Filho
Circular, 2011, Fábio Allon, Bruno de Oliveira, Adriano Esturilho, Diego Florentino, Aly Muritiba

Veja também sobre ela
::Voltar
Sala 
 Isabel Ribeiro
Presença luminosa nas telas, brilhou no cinema, teatro e televisão.
Sala 
 Ana Carolina
Cineasta de assinatura personalíssima e de filmografia inquietante.